Header Divider

Philip Seymour Hoffman: O Homem mais procurado - 4.0 out of 5based on 1 vote

O Homem mais procurado

O Homem Mais Procurado

 Ano:2014
 Gênero:Thriller
 Diretor:Anton Corbijn
 Atores:Philip Seymour Hoffman, Rachel McAdams, Daniel Brühl

Philip Seymour Hoffman e John Le Carré são uma dupla imbatível, o primeiro atuando e o segundo escrevendo. John Le Carré se destaca novamente, eu diria até ainda mais do que sua outra produção de espionagem “O Homem que sabia demais”. Já “O Homem mais procurado” é um filme também sério que trata da espionagem e o terrorismo, o que torna o filme mais dramático com a questão dos refugiados e torturados. O cenário é mais atual, o que pode agradar também a um público maior. Philip Seymour dá vida a Gunther Bachman, um dos seus últimos personagens antes de sua morte. Gunther é um detetive que lidera uma unidade especial anti-terrorista em Hamburgo. 

Durante o trabalho ele e sua equipe identificam uma pessoa aparentemente suspeita, trata-se de Issa Karpov, ex-prisioneiro da Rússia e radical checheno que vem à cidade atrás de um banqueiro para reaver uma fortuna que herdou de seu pai. Começam a monitorar Karpov e também Abdullah (Homayoun Ershadi) que acreditam ser um financiador do terrorismo através de desvios de doações.

Assim, o filme trata basicamente disso com a presença da advogada que procura a todo custo defender Karpov que o vê como uma vítima, um inocente que se encontra perdido na cidade. O personagem principal, diferente do que podemos pensar, é o especialista alemão que vive amargurado com o peso de todas as mortes que carrega em suas costas que ocorreram durante suas investigações e as fontes que colaboram e colocam em risco suas próprias vidas para ajudá-lo.

Não há como não imergir numa história dessas que envolve tanto o drama explícito e tocante da questão do refugiado que foi torturado na Rússia e que vive temeroso de acontecer o mesmo ou coisa pior nas mãos da polícia estadunidense (crítica ferrenha a governo Bush) e o drama intimista e particular do detetive, que encontra em seu isolamento os momentos para refletir, fumar seu cigarro, tocar seu piano de forma completamente introspectiva. O filme pode não ser uma verdadeira aula de história e pode ter vários vácuos nesse sentido, mas cumpre o seu papel de resumir as relações intempestivas de espionagem que envolvem os alemães, árabes e os norte-americanos.

Diferente dos filmes de espionagem a que estamos acostumados, o longa se apega muito mais à trama, a intriga, a narrativa e a riqueza de seus personagens do que cenas de ação muito elaboradas. O que prende o espectador são esses elementos e a imersão nos personagens que torna a obra tão interessante e peculiar. Alguns erros podem ficar em segundo plano, mas que pesam naqueles olhares mais exigentes e atentos. O principal deles é o filme ter o inglês como língua principal em pleno Hamburgo. Por mais que os alemães obviamente dominem o inglês, essa não é a língua mãe e todos que participam da trama só falam inglês até mesmo aqueles com nomes alemães genuínos. Acredito que se o filme fosse rodado em alemão poderia ser ainda mais verdadeiro, apesar do sotaque esforçado de Gunther.

Comentários à parte, esse fato não desmerece os pontos fortes da obra que são maiores do que as falhas. Pode-se dizer que este é um dos melhores filmes de 2014, sem dúvida, muito bem dirigido por Anton Corbijn e que apenas deixa aquela sensação nostálgica do incrível Philip Seymour Hoffman.

 

 
4.51111111111Rating 4.50 (1 Vote)
Facebook Fla 24Twitter Fla 24Linkedin Fla 24Googleplus Fla 24


Config
Filmes Brasileiros Off
Filmes Estrangeiros Off
Filmes Comedia Romantica Off
Filmes Acao Off
Filmes Infantis Off
Filmes Policiais Off
Filmes Faroeste Off
Filmes Medievais Off
Filmes Hq Off
Filmes Religiosos Off
Filmes Antigos
Filmes Musicais Off
Filmes Documentarios Off
Lista Filmes Off