Header Divider

Frantic Main

Busca Frenética traz trama policial de tensão
e cenas longas sem cortes

Frantic Poster

Sinopse 
Richard Walker (Harrison Ford) é um médico que viaja a negócios com sua esposa Sondra (Betty Buckley) a Paris. Porém, logo no início ela é misteriosamente sequestrada e Richard imerge no submundo parisiense para desvendar os mistérios do seu desaparecimento. Durante sua busca frenética ele conhece Michelle (Emmanuelle Signer) que o ajuda nessa empreitada.
 
 FICHA TÉCNICA
 Título original:Frantic
 Ano:1988
 Diretor:Roman Polanski
 Duração:120 min 
 Gênero:Policial
 Atores:Harrison Ford, Betty Buckley, John Mahoney, Emmanuelle Signer.
 País:França/EUA

Divider

Curiosidades

1 - A voz do homem que interroga Michelle no seu apartamento é do diretor Polanski.
2 - Polanski também aparece como figurante interpretando um motorista de táxi.
3 - Os últimos 15 minutos da versão original do filme foram cortados e o diretor teve de filmar novas cenas.
4 - O ator principal, Harrison Ford sugeriu trocar o nome original do filme para “Moderately Disturbed”, mas o diretor não acatou a ideia e manteve “Frantic”.
5 - O filme teve um orçamento baixo de U$ 20 mil.

Este filme policial tem também, como todos os filmes nessa tendência, um toque de suspense que o caracteriza como thriller. Não é um dos filmes mais conhecidos ou até mesmo aclamados de Polanski, sendo até mesmo considerado mediano por alguns críticos de cinema. Porém, ao meu ver, é uma verdadeira injustiça colocar esse filme na categoria dos medianos só porque não se integra na lista dos seus maiores sucessos ou nas suas narrativas mais polêmicas.

Obviamente se formos pensar em seus filmes de suspense psicológico que são simplesmente aterrorizantes como “Repulsa ao Sexo”, “O Bebê de Rosemary” e o “O Inquilino” ou até mesmo em grandes sucessos de público como “O Pianista” e “Chinatown” esse filme pode não se igualar por não corresponder às expectativas do fãs acostumados com os filmes impactantes de Polanski. Entretanto, o filme é sim um filme acima da média e que sai à frente com facilidade das produções norte-americanas de mesmo “estilo”.

Frantic 1

Influências de Scorsese a Hitchcock

Por mais que Polanski se aventure no gênero policial seus filmes dificilmente caem na mesmisse e no senso comum dos filmes desse estilo. O seu diferencial está no roteiro, o qual em “Frantic” ele escreveu com a ajuda de Gerard Brach com cenas imprevisíveis e bem trabalhadas e, principalmente nas tomadas de câmera nada convencionais e sempre mirabolantes. De certa, forma podemos lembrar de Scorsese em vários momentos nesse filme pelas escolhas dos takes. ao mesmo tempo que lembramos de Hitchcock com suas tramas envolventes.

O enredo traz um tranquilo médico chamado Richard interpretado por Harrison Ford que viaja pela segunda vez a Paris sem falar sequer uma palavra do idioma. Ele viaja na companhia da sua afável esposa Sondra (Betty Buckley) que sabe francês e se sente mais à vontade na cidade. No primeiro dia em que chega à Paris, ela simplesmente desaparece e Richard se vê desesperado em uma busca incessante para encontrá-la sem poder contar com a ajuda da polícia e a Embaixada que agem com desinteresse frente ao ocorrido. A atmosfera de tensão já é figurinha carimbada nos seus filmes e, mais uma vez, essa característica permanece durante todo o longa até o desfecho.

Frantic 2

Contexto do filme

Na época em que o filme foi filmado, o diretor Polanski passava por certos problemas, pois estava proibido de entrar nos Estados Unidos devido à uma acusação e condenação judicial que dizia que o diretor drogou e estuprou uma garota menor de idade. Por causa desse alarde e dessas polêmicas acusações, o diretor sofreu uma queda em sua carreira, pois não era convidado para trabalhar em produções importantes há algum tempo. Este filme foi o marco que estabelece a retomada do diretor à sua “antiga forma”. Com a ajuda de Harrison Ford que aceitou interpretar esse personagem justo, ingênuo e honrado, em uma nova versão do herói americano, Polanski voltou a obter certo prestígio da crítica.

Frantic 3

Filmagens irreverentes

Polanski nos oferece cenas empolgantes e bem produzidas como a tomada tradicional sem cortes do momento em que a esposa do médico desaparece. A cena é filmada completamente do ponto de vista de Richard, quando ele está tomando banho no chuveiro do hotel e do box do banheiro podemos observar a esposa atendendo telefonemas, se locomovendo pelo quarto pela abertura da porta do banheiro que se encontra completamente escancarada. Uma sacada também genial é quando ela se comunica com Richard, mas não conseguimos entender o que ela diz por causa do ruído da água do chuveiro e ficamos com a sensação de ter perdido algo importante, principalmente porque exatamente após essa cena ela é sequestrada (obviamente essa cena não é mostrada). Assim, o espectador fica tão aflito quanto o personagem, sem saber o que fazer ou a quem recorrer.

Outra cena interessante é aquela que mostra Richard e Michelle no telhado do apartamento dela tentando recuperar um objeto valioso, bem como a cena em que Michelle se segura no capô de um carro em movimento para não cair e a visão que temos é apenas de frente do capô com as suas pernas se rebatendo no ar, em um breve momento de sensualidade. Michelle é uma personagem que representa a beleza da mulher francesa, ao mesmo tempo sofisticada e sensual que se mostra em diversos momentos do longa, como na cena em que ela dança com Richard em uma boate. O filme não traz cenas de pura adrenalina, como pode dar a entender no seu título, mas promete um suspense que fisga o espectador e cenas muito originais.

Frantic 4

Trailer de Frantic (Busca Frenética) de Polanski

E você já assistiu? O que acha desse filme? Deixe suas considerações nos comentários. Curta nossa página no Facebook para acompanhar as novidades!

 

Outros filmes do diretor

  • Chinatown (1974)
  • O Bebê de Rosemary (1968)
  • Geração (1955)
  • A Vingança (2002)
  • Os Maiores Vigaristas do Mundo (1964)
  • Cada um com seu cinema (2007)
  • Lampa (1959)
  • Uśmiech zębiczny (1957)
  • Os inocentes charmosos (1960)
  • Tchau, até amanhã (1960)
  • A Day at the beach (1970)
  • Conspiração na Rússia (1992)
  • Lotna (1959)
  • Um beatle no paraíso (1969)
  • Estressadíssimo (1994)
  • Samson, a força contra o ódio (1961)
  • Heróica (1958)
  • Rozbijemy Zabawę (1957)
  • Morderstwo (1957)
  • Le bateau sur l'herbe (1971)
  • Greed (2009)
  • The King of Ads (1993)
  • Hommage à Alfred Lepetit (2000)
  • Chassé-croisé (1982)
  • La fille d'en face (1968)
  • O Pianista (2002)
  • Carnage (2011)
  • O Escritor Fantasma (2010)
  • Repulsa ao sexo (1965)
  • O Inquilino (1976)
  • Tess (1979)
  • A Dança dos Vampiros (1967)
  • Nóż w wodzie (1962)
  • A Pele de Vênus (2013)
  • Bitter Moon (1992)
  • Macbeth (1971)
  • The Ninth Gate (1999)
  • Cul-de-sac (1966)
  • Oliver Twist (2005)
  • Piratas (1986)
  • Death and the Maiden (1994)
  • Que? (1972)
  • Dwaj ludzie z szafą (1958)
  • Le Gros et le maigre (1961)
  • A Therapy (2012)
  • Gdy spadają anioły (1959)
  • Week-end de um campeão (1972)
  • Ssaki (1962)
  • Uma Simples formalidade (1994)
  • Caos calmo (2008)
 
01111111111Rating 0.00 (0 Votes)
Leia Também
Filmes de Comédia
Bab4d936b8843e5b6a56b6c1b2c01e37
Irmãos Coen: Fargo

Fargo: uma história trágica contada de forma cômica O longa dos irmãos Coen traz uma história banal que se transforma em uma grande tragédia baseada em uma sucessão de erros no mínimo irônica...

Filmes de Comédia
4d6de909dd5f81868ec95124bf1a1ff6
As 10 Melhores Comédia

Top 10: lista dos melhores filmes de comédia Quem não gosta de dar umas boas gargalhadas em um filme de comédia? A melhor coisa para relaxar é sentar e assistir de forma despretensiosa aos filmes. A...

Facebook Fla 24Twitter Fla 24Linkedin Fla 24Googleplus Fla 24


Config
Filmes Brasileiros Off
Filmes Estrangeiros Off
Filmes Comedia Romantica Off
Filmes Acao Off
Filmes Infantis Off
Filmes Policiais Off
Filmes Faroeste Off
Filmes Medievais Off
Filmes Hq Off
Filmes Religiosos Off
Filmes Antigos
Filmes Musicais Off
Filmes Documentarios Off
Lista Filmes Off